quarta-feira, 2 de agosto de 2006

  Wikipedia

Excelente matéria da New Yorker sobre a Wikipedia. A enciclopédia online já tem mais de 1 milhão de artigos e tem se tornado referência mundial para a busca de informações na Internet.
A Wikipedia é uma construção coletiva. Por conta da facilidade de alterá-la e da multiplicidade de indivíduos que podem mudar o que diz cada artigo, muitos consideram sua qualidade editorial pouco confiável (no sentido de que os dados são superficiais, embora corretos). Mas é uma excelente pedida para quem está em busca de noções gerais sobre determinados assuntos. O ideal é utilizá-la como uma primeira fonte de pesquisas, antes de ir em busca de um maior aprofundamento (enfim, ela deve ser consultada de forma auxiliar, como toda enciclopédia).
Um dos grandes problemas é a parcialidade, embora uma das regras do site seja manter um ponto de vista neutro ao se elaborar os artigos. O problema é que fica difícil evitar que surjam debates intensos em tópicos que cubram assuntos mais polêmicos. Nesses casos, a política da enciclopédia é “fechar” o artigo para edição, e só permitir alterações quando se tiver chegado a algum consenso na página de discussão.
Um exemplo de discussão é o que ocorre na página de Pelotas. Nela, há uma acirrada disputa sobre o clima da cidade. Há meses os freqüentadores da página buscam resolver a seguinte indagação: qual seria o mês mais chuvoso do ano em Pelotas? (certamente esta é uma dúvida extremamente relevante para a vida sobre a face da Terra...).
Por essas e outras, é preciso saber adotar uma certa postura crítica ao se ler textos da enciclopédia online. Dada a facilidade de edição, uma determinada informação pode ter sido acrescentado por um estudante de 8ª série (e, portanto, terá mais chances de abordar o tema de forma superficial) quanto por um especialista na área sobre a qual se está falando/lendo. É preciso saber filtrar as informações. A dica é: sempre confie desconfiando. O uso da Wikipedia deve ser subsidiário às outras fontes de informação.
Mesmo com tantos percalços, a qualidade da Wikipedia é elogiável. O grande mérito é disponibilizar conhecimento ao alcance de todos por um clique. Uma pesquisa da revista Nature já procurou mostrar que o grau de confiabilidade da Wikipedia é equiparável ao da Enciclopedia Britannica (a mais tradicional enciclopédia em língua inglesa).
Na Wikipedia há até mesmo um artigo que lista os erros da sua “rival” impressa
(Errors in the Encyclopædia Britannica that have been corrected in Wikipedia) . Um dos “erros” citados é quando a Enciclopédia Britannica se refere a si mesma como a maior enciclopédia em língua inglesa – ora, com 1 milhão de artigos, a Wikipedia estaria esmagadoramente à frente. Mas há uma ressalva: essa afirmativa só seria válida se se considerasse que a Wikipedia é, de fato, uma enciclopédia, no sentido estrito da palavra. Há quem diga que não: a própria Enciclopédia Britannica refere-se à Wikipedia como uma mera base de dados.
Enfim, para quem quiser entender um pouco mais sobre o funcionamento dessa grande idéia, vale a pena dar uma olhada na matéria da New Yorker :) O texto serviu ao menos para eu descobrir que sou uma WikiGnome :P Ah, e também recomendo dar uma passadinha no Ponto Media, o site de onde tirei o link para essa matéria.




Comentários:

Blogger Edison disse:
Muito legal a página dos erros da Britannica corrigidos na Wikipedia.

Enciclopédias são um dos poucos casos onde não falar bem do concorrente depõe contra você mesmo, já que significa ignorar um fato/evento que uma boa enciclopédia deveria catalogar.
 
Anonymous Fernanda disse:
Wikipédia é realmente interessante, e arriscaria: mistura de enciclopédia com um grande banco de dados em constante mutação, bem típico do mundão virtual :)
Dessa forma, pode-se dizer que ela não é perfeita em sua integralidade, visto que é facilmente modificada nem sempre de forma útil. Mas vale como um bom guia.
 
Blogger Alessa Rovere disse:
E o post da Gabi serviu para eu descobrir que sou uma Wikifairy.... :)
E aí? muitos avanços no Pagemaker???
mé's
 
Blogger w1zard disse:
a wikipedia é realmente um bom site de referências. sempre nessa, confiar, desconfiando.

geralmente à uso para passar links para explicar melhor o que estou dizendo. quase não uso para meu próprio conhecimento.
 
Blogger Sagá disse:
Apesar da credibilidade não ser 100%, Wikipedia é no mínimo interessantíssima! Só a listagem dos empregos do Homer já valeram por tudo mais...rs -essa concorre com a disputa sobre o clima de Pelotas na categoria "indispensáveis"-

Beijo!
 
Anonymous Rodrigo disse:
Wikipédia é tudo de bom, ela é uma referência constante no meu blog, às vezes traduzo alguns verbetes da wiki para o meu idéias ao vento.
 


Participe desta conversação :)



<< Voltar para o blog
flickr
   

 feed

receba as atualizações do blog por e-mail



categorias academicismos
amenidades
blogs
direito
filmes
google
internet
livros
memes
mídia
orkut
politiquês
querido diário
stumbles
tecnologia


sobre
about me
del.icio.us
flickr
last.fm
orkut
43metas
nano novel
textos
flog
stumbleupon
Gilmore Girls





blogroll
animaizinhos toscos
argamassa
ariadne celinne
atmosfera
bereteando
blog de lynz
blog del ciervo ermitaño
direito de espernear
direito e chips
dossiê alex primo
efervescendo
enfim
every flower is perfect
garotas zipadas
giseleh.com
grande abóbora
hedonismos
il est communiqué
jornalismo de resistência
jornalismo na web 2.0
lavinciesca
marmota
novos ares
pensamentos insanos
rafael gimenes.net
reversus
sententia
universo anárquico
vidacurta.net
vejo tudo e não morro
w1zard.com


arquivo
Agosto 2005
Setembro 2005
Outubro 2005
Novembro 2005
Dezembro 2005
Janeiro 2006
Fevereiro 2006
Março 2006
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006
Outubro 2006
Novembro 2006
Dezembro 2006
Janeiro 2007
Fevereiro 2007
Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007


etc.










Save the Net

Stumble Upon Toolbar

Creative Commons License

Official NaNoWriMo 2006 Winner