terça-feira, 27 de junho de 2006

  O livro mágico

No início deste ano letivo peguei um livro na biblioteca da UCPel com a promessa de terminar de lê-lo tão logo fosse possível. Com tantas coisas para fazer, e como o livro não era lá altamente empolgante e divertido, levei um pouco mais de tempo para conseguir enfim finalizá-lo. Terminei a leitura neste sábado. (Pior que o assunto é tri interessante, não é culpa do livro!!) O livro é A Galáxia de Gutenberg, de Marshall McLuhan, e narra as transformações provocadas pela imprensa na sociedade antes oral e manuscrita (aliás, em algum outro momento até pretendo falar alguma coisa aqui no blog sobre o livro...).
Entretanto, a grande graça da questão não reside no conteúdo do livro em si, e sim no livro que peguei. A edição (2ª, em tradução da Companhia Editora Nacional) é de 1977, e foi adquirida pela biblioteca da faculdade em 1980. Naquele tempo, ainda não existia - obviamente - o sistema de catalogação de livros pelo computador, daí no final do livro tem aquelas velhas fichinhas do tipo "devolva este livro na última data carimbada". Mas o diferencial é que tem também a listagem das últimas (únicas?) pessoas que pegaram este livro. Na verdade, há apenas 3 entradas no registro. Alguém teria pego o livro em 1984, outra pessoa pegou em 1987, e uma terceira o retirou em 1989. E isso é tudo. (okay, talvez o livro não seja lá muito popular, eu confesso). Não contive a curiosidade e busquei no Google informações sobre os três indivíduos listados. E o mais legal de tudo é que pude ficar sabendo do futuro *brilhante* que todos os que pegaram este livro tiveram. Dos três indivíduos, um se tornou promotor público, outra é escritora, e o terceiro é professor, doutor em história. Basicamente, o que há de comum entre eles é que nenhum seguiu carreira na Comunicação Social ou no Jornalismo. Pelo menos dois deles também fizeram dois cursos universitários simultaneamente. E também nenhum deles se afastou da cidade. Todos, de certa forma, seguem vinculados a Pelotas. Considerando-se que todos que se interessaram por este livro devem ter um parafuso a menos - será este também o meu destino? (permanecer em Pelotas, não seguir a carreira jornalística, mas ter uma profissão interessante? :P).Ah! A última pessoa que pegou o livro tinha a obrigação de devolvê-lo no dia 29/06/1989. Eu teria que devolver o livro nesta mesma data (mas em 2006, dã :P), se não houvesse renovado (pela 7182781ª vez) o livro hoje mais cedo. Mera coincidência? (by the way, não querendo fazer analogias felizes e inoportunas, mas já fazendo,... Mera Coincidência é o nome de um filme que baixei da Internet para assistir no computador assim que me sobrar uma folguinha... parece ser interessante).

technorati tags:,

Blogged with Flock

Marcadores:




Comentários:

Blogger w1zard disse:
=)

fiquei feliz, saltitante com o link ali!

mas entao, já fiquei sabendo de pessoas q veem o futuro em cartas de tarot, borra de cafe, bacia de agua, bola de cristal.. mas em ficha de emprestimo de livro, acho que vc eh a pioneira nessa. curioso, no mínimo. =)

posha, sobre filmes. sempre que os caras aqui do ap alugam eu jah faça a copia. mas nao anda sobrando tempo pra assistir.. jah perdi as contas, mas tem mais de 10 filmes na fila. e as ferias nao chegam.. =(
 
Blogger w1zard disse:
ah sim. antes q eu me esqueça. eu até já tinha colocado um link para o seu blog. mas ainda estou tendo problemas com o template novo. tenho certeza que eh um problema simples e ridiculo que jah resolvi antes, mas nao me lembro e nao consigo encontra-lo. =/

caso queira dar uma espiadinha no novo template, acessa http://w1zard.com/index.shtml

=)
 
Blogger -GuiGo- disse:
O negócio é que você viu o que estas pessoas têm em comum. Mas e o que elas não têm? Em que são diferentes?


E você está mesmo fadada e seguir sempre o mesmo gosto por livros? Você não pode, de uma hora pra outra, só passar a ler gibis da Turma da Mônica?

O seu futuro depende mais de você do que de qualquer livro.
 
Blogger jctunes.blogspot disse:
É,Gabriela, como você comentou no meu blog: será que que o Google Earth não acabará sendo o big brother dos tempos modernos?
Talvez sim, mas tiremos proveito da tecnologia procurando sempre usá-la com bons propósitos.
Infelizmente tudo que foi criado pela humanidade com a finalidade de facilitar a vida das pessoas, acabou sendo utilizada também para o mal.
A mesma pesquisa que você fez com relação as pessoas que haviam retirado o livro no passado,usando a tecnologia para inocentemente satisfazer sua curiosidade, também poderia ser utilizada por pessoas mal intencionadas que quizessem prejudicá-las.
 
Anonymous carol souza disse:
Ok.. todos comentarios serios, e eu aqui dizendo só que eu ainda acho q o teu futuro jah está traçado por causa do livrpo... Oo

bj!
 


Participe desta conversação :)



<< Voltar para o blog
flickr
   

 feed

receba as atualizações do blog por e-mail



categorias academicismos
amenidades
blogs
direito
filmes
google
internet
livros
memes
mídia
orkut
politiquês
querido diário
stumbles
tecnologia


sobre
about me
del.icio.us
flickr
last.fm
orkut
43metas
nano novel
textos
flog
stumbleupon
Gilmore Girls





blogroll
animaizinhos toscos
argamassa
ariadne celinne
atmosfera
bereteando
blog de lynz
blog del ciervo ermitaño
direito de espernear
direito e chips
dossiê alex primo
efervescendo
enfim
every flower is perfect
garotas zipadas
giseleh.com
grande abóbora
hedonismos
il est communiqué
jornalismo de resistência
jornalismo na web 2.0
lavinciesca
marmota
novos ares
pensamentos insanos
rafael gimenes.net
reversus
sententia
universo anárquico
vidacurta.net
vejo tudo e não morro
w1zard.com


arquivo
Agosto 2005
Setembro 2005
Outubro 2005
Novembro 2005
Dezembro 2005
Janeiro 2006
Fevereiro 2006
Março 2006
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006
Outubro 2006
Novembro 2006
Dezembro 2006
Janeiro 2007
Fevereiro 2007
Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007


etc.










Save the Net

Stumble Upon Toolbar

Creative Commons License

Official NaNoWriMo 2006 Winner